Filmes

Filme | Porquê Ele? (2016)

1d818fd25fca9990eb84eb012f58f5d0Título Original: Why Him?

Género: Comédia

Lançamento: Dezembro 2016

Elenco Principal: Zoey Deutch, James Franco, Tangie Ambrose

Classificação: 8,5 em 10 estrelas

Sinopse: “Durante as férias, Ned, um pai dedicado mas superprotetor e a sua família visitam a filha em Stanford, onde ele conhece o seu maior pesadelo: o bem-intencionado mas socialmente estranho bilionário de Silicon Valley, Laird. O certinho Ned pensa que Laird, que não tem quaisquer filtros, é uma péssima escolha para a sua filha. A rivalidade unilateral e o nível de pânico de Ned dispara quando ele se encontra num glamoroso ambiente high-tech, e descobre que Laird estás prestes a fazer o pedido de casamento.”

Opinião: Eu há muito que andava para ver este filme, e o principal motivo era o James Franco. Eu adoro imenso os filmes do Franco, e honestamente ele é dos meus atores preferidos. Quando dizem que este filme é uma comédia é mentira. Este filme é uma GRANDE comédia.

Vocês vão rir-se do ínicio ao fim, pelo menos foi assim comigo. Não estava nada a espera 586f4dba3ade72.17979184.jpgde gostar tanto, sinceramente foi dos melhores filmes de comédia que já vi! A premissa é super engraçada, e além do mais ultrapassa o inimaginável. A nível de atores estão muito bem escolhidos, nada a reclamar quanto a isso! E claro, o filme conta com umas boas participações especiais, como é o caso do Steve Aoki!

Para além de engraçado o filme passa uma mensagem super linda, aconselho-vos a ver este filme com os vocês pais. Ok, talvez não seja assim tão boa ideia verem o filme com os vossos pais!

Quando falei deste filme com amigos eles disseram-me que tinha muitas referências sexuais. Sim é verdade, mas em pleno século XXI, acho que isso já não é um tema tão estranho para a sociedade. E além do mais, acabam por ser essas referências que tornam certas personagens únicas.

Um coisa é certa. Vocês não estão à espera de nada do que vai acontecer. Vocês pensam, “é só mais um filme onde a filha vai para a universidade, conhece um rapaz e o pai passa-se e detesta o rapaz”. Não, não é só isso. Acreditem que é muito mais que isso. Eu fui ver o filme à espera disso, e quando vos digo que surpreendeu-me imenso o filme é porque ele é bom. Aconselho-vos a ver! E para além de que se trata de uma comédia natalícia, é um bom filme para colocar na lista de natal!

Filmes, Opinião

Filme | Doutor Estranho (2016)

49e5048a271412a28c0b951cf5f25004Título Original: Doctor Strange

Género: Acão, Aventura, Fantasia

Lançamento: Outubro 2016

Elenco Principal: Benedict Cumberbatch, Chiwetel Ejiofor, Rachel McAdams

Classificação: 9 em 10 estrelas

Sinopse: “Stephen Strange é um neurocirurgião brilhante, mas muito vaidoso e arrogante. Com pouco mais de 30 anos, um acidente de carro danifica-lhe os nervos das mãos e em desespero, depois de uma série de tentativas falhadas, decide partir para o Tibete, onde espera encontrar um mago conhecido como “Ancião”. Mas não é bem uma cura que Strange encontra, mas uma ordem de artes místicas que o ensina a tirar proveito de todo o tipo de energia. Uma mistura de artes marciais e magia que com o tempo vão transformá-lo no mestre da magia negra.”

Opinião: Antes de mais, eu agradeço às pessoas que conseguiram colocar dois dos meus atores preferidos num filme. Além do mais quero agradecer pelos efeitos e também pela maquiagem que foi mais que perfeita!

Conseguiram juntar dois atores que adoro, Benedict Cumberbatch e Mads Mikkelsen. Para quem não os conhece, o Benedict é conhecido pelo seu grande papel na série Sherlock, aconselho-vos imenso a ver. E o Mads é conhecido pelo papel super hiper mega bem representado em Hannibal, que antes de mais, é a minha série preferida e vocês deviam ver!

Eu não consegui levar o filme a sério. Um filme onde entra o Ben já é impossível levar a sério, agora um filme onde entra o Ben e o Mads, esqueçam. Não dá. Para mim pareceu pura comédia. Eu olhava para eles e só imaginava o momento em que ambas iam dizer algo engraçado e iam rir-se.

Como referi adorei os efeitos especiais, achei que estavam bem elaborados. E eu nunca vi um filme com tantos efeitos, que trabalho aquilo tudo deve ter dado! Quanto à maquiagem, merecem uma vénia. Principalmente a maquiagem do Mads que deve ter dado imenso trabalho!

Achei o filme explêndido. Já o devia ter visto, mas tinha receio e a minha pouca paciência para filmes não ajuda nada. Mas sempre o vi, e foi automaticamente para o meu top de filmes preferidos (que não é assim muito grande!)

Se ainda não assistiram o filme eu recomendo imenso. Penso que vão adorar tanto ou mais que eu! Os atores e mesmo os diretores do filme fizeram um bom trabalho. Que venha o próximo! E para aqueles que ainda não viram o filme e pretendem ver, esperem pelo fim dos créditos. Tem uma cena especial!name blogger

Filmes, Março Feminino

15 Filmes Realizados por Mulheres | #MarçoFeminino

ybb6u1488666114.pngE eu decidi trazer uma lista de filmes realizados por mulheres por causa do projeto #MarçoFeminino. Se não sabes no que falo basta clicares aqui e vais ter ao post onde falei desse projeto!

Eu não sabia que filmes tinham sido ou não produzidos por mulheres. Conhecia alguns da Angelia Jolie, mas eu queria ver muitos mais filmes do que apenas os da Angelia Jolie. Fiz uma pesquisa, encontrei filmes que não sabia terem sido produzidos por mulheres e decidi trazer-vos uma pequena lista. Assim se quiserem participar no projeto já têm alguns filmes para verem!

  • Libertem Angela Davis (2012)

libertem-angela-e-todos-os-presos-politicos_t84244Título Original: Free Angela

Sinopse: “Este documentário retrata a vida de Angela Davis, uma professora de filosofia nascida no Alabama, e conhecida por seu profundo engajamento em defesa dos direitos humanos. Quando Angela defende três prisioneiros negros nos anos 1970, ela é acusada de organizar uma tentativa de fuga e sequestro, que levou à morte de um juiz e quatro detentos. Nesta época, ela se tornou a mulher mais procurada dos Estados Unidos. Ainda hoje, Angela é um símbolo da luta pelo direito das mulheres, dos negros e dos oprimidos.”

  • O Porco Espinho (2009)

5e81e88987923f13a7ee5da29e317560Título Original: Le Hérisson

Sinopse: “Paloma, que tem 11 anos, está profundamente entediada e, por isso, decidiu se matar no seu décimo segundo aniversário. Fascinada por arte e filosofia, ela interroga e documenta a sua vida e a de pessoas próximas, desenhando observações muitas vezes hilárias no mundo em seu entorno. Paloma finalmente encontra, na zeladora amuada de seu edifício e em um vizinho enigmático e elegante, um espaço para interrogar sua perspectiva bastante pessimista da vida.”

  • Garota Fantástica (2009)

0f2391a4cd95259ab825c36ae890fca2Título Original: Whip it!

Sinopse: “Bliss Cavendar (Ellen Page) vive em uma pequena cidade do Texas e anseia se libertar do mundo dos concursos de beleza e conformidade de sua mãe. Ela vê uma oportunidade quando conhece as “Hurl Scouts”, uma equipe de patins. Ela tenta entrar para a equipe e consegue uma vaga, mentindo para seus pais sobre seu novo passatempo. Bliss encontra amizade e liberdade entre suas companheiras, mas um conflito entre um jogo do campeonato e o concurso de beleza ameaça o seu segredo.”

  • Entre o Amor e a Paixão (2011)

58198fa910a65d19ec4cea37a168b3c2Título Original: Take This Waltz

Sinopse: “Margot (Michelle Williams) conhece Daniel (Luke Kirby) em uma viagem, durante uma visita a uma apresentação teatral a céu aberto. Eles se reencontram no voo de volta, onde conversam e se conhecem melhor. Ela logo fica interessada nele, mas contém o impulso em respeito ao marido, Lou (Seth Rogen), com quem é casada há cinco anos. Lou passa os dias em casa, já que está preparando um livro de receitas sobre frango, o que faz com que conviva bastante com Margot. Entretanto, o desgaste do relacionamento e a sensação de melancolia que carrega consigo fazem com que ela tenha uma queda por Daniel, ainda mais após descobrir que ele é seu vizinho.”

  • Frida (2002)

f4070823321530bee1729d60bfdec89cTítulo Original: Frida

Sinopse: “O filme mostra a vida de Kahlo desde a sua adolescência até a morte. Frida Kahlo foi um dos principais nomes da história artística do México. Conceituada e aclamada como pintora, ela teve também um casamento aberto com Diego Rivera, seu companheiro também nas artes, e ainda um controverso caso com o político Leon Trostky e com várias outras mulheres. No filme, o esposo Diego Rivera representa um cara muito mulherengo, e Frida aceita-o pedindo-lhe apenas lealdade, o que não acontece, pois Frida encontra Diego com sua irmã, e então ela pede o divórcio.”

  • Eu sem Você (2001)

3ed0cfbb8fe1ce931d17081c543212c7Título Original: Me Without You

Sinopse: “Num verão de Londres no final da década de 1970, as crianças Holly e Marina fazem um pacto de amizade eterna. Para Marina, dividida entre o glamouroso pai e a mãe viciada em remédios, Holly é uma das poucas referências de estabilidade frente a uma rotina familiar de brigas, drogas e auto-destruição. Holly, por sua vez, vive no mundo dos livros, frustrada com a mãe superprotetora e insegura diante da bonita e possessiva Marina. Com o passar dos anos, elas experimentam sexo, amor e drogas, mas para Holly a amizade começa a se tornar uma armadilha.”

  • Elena (2012)

19ccbee0c6000db806045a977dfa86c1Título Original: Elena

Sinopse: “Elena viaja para Nova York com o mesmo sonho da mãe: ser atriz de cinema. Deixa para trás uma infância passada na clandestinidade durante a ditadura militar e uma adolescência vivida entre peças de teatro e filmes caseiros. Também deixa Petra, sua irmã de 7 anos. Duas décadas mais tarde, Petra também se torna atriz e embarca para Nova York em busca de Elena. Tem apenas pistas: fitas de vídeo, recortes de jornais, diários e cartas. A qualquer momento, Petra espera encontrar Elena andando pelas ruas. Aos poucos, os traços das duas se confundem. Já não se sabe quem é uma e quem é a outra.”

  • Precisamos Falar Sobre Kevin (2011)

7e1f172aa32f9d173a63c698e0147452Título Original: We Need to Talk About Kevin

Sinopse: “Eva (Tilda Swinton) mora sozinha e teve sua casa e carro pintados de vermelho. Maltratada nas ruas, ela tenta recomeçar a vida com um novo emprego e vive temorosa, evitando as pessoas. O motivo desta situação vem de seu passado, da época em que era casada com Franklin (John C. Reilly), com quem teve dois filhos: Kevin (Jasper Newell/Ezra Miller) e Lucy (Ursula Parker). Seu relacionamento com o primogênito, Kevin, sempre foi complicado, desde quando ele era bebê. Com o tempo a situação foi se agravando mas, mesmo conhecendo o filho muito bem, Eva jamais imaginaria do que ele seria capaz de fazer.”

  • Pequena Miss Sunshine (2006)

f6dde184d34b5bbde9f3f96e06ebda6bTítulo Original: Little Miss Sunshine

Sinopse: “Nenhuma família é verdadeiramente normal, mas a família Hoover extrapola. O pai desenvolveu um método de auto-ajuda que é um fracasso, o filho mais velho fez voto de silêncio, o cunhado é um professor suicida e o avô foi expulso de uma casa de repouso por usar heroína. Nada funciona para o clã, até que a filha caçula, a desajeitada Olive (Abigail Breslin), é convidada para participar de um concurso de beleza para meninas pré-adolescentes. Durante três dias eles deixam todas as suas diferenças de lado e se unem para atravessar o país numa kombi amarela enferrujada.”

  • Anjos Rebeldes (2004)

e3928d4f9dcf3623a2a4bde307cf4f98Título Original: Iron Jawed Angels

Sinopse: “Filadélfia, setembro de 1912. A quaker Alice Paul (Hilary Swank), que viveu um bom tempo na Inglaterra, vai com sua melhor amiga, Lucy Burns (Frances O’Connor), se encontrar com a reverenda Anna Howard Shaw (Lois Smith), que preside a Associação Nacional das Mulheres Sufragistas e tem Carrie Chapman Catt (Anjeica Huston) como braço direito. Anna e Carrie têm posições bem conservadoras, que fazem o movimento avançar muito pouco em vários anos – só em 9 estados as mulheres votam. Alice, uma feminista, está disposta a arriscar tudo para obter uma emenda na constituição que permita que todas as americanas votem. Após uma resistência inicial de Anna e Carrie, Alice tem aprovada sua idéia fazer uma passeata em Washington no mesmo dia da posse do presidente Woodrow Wilson (Bob Gunton), pois naquela data haveriam muitas pessoas na capital. Alice chefiará o comitê da ANAMS em Washington, mas terá que arrumar fundos sozinha para fazer a passeata. Chegando na sede da ANAMS em Washington, Alice e Lucy se deparam com um “escritório” que parece um local abandonado, pois nada funciona. Elas então tentam organizar o lugar e obter apoio para a passeata, assim vão até uma fábrica onde trabalham várias operárias. Após uma pequena resistência conseguem o apoio de Ruza Wenclawska (Vera Farmiga), uma líder entre as trabalhadoras. Mabel Vernon (Brooke Smith) também se junta a elas e Ida Wells-Barnett (Adilah Barnes), uma negra de Chicago, aparece para dizer que marchará na passeata, mas não aceitará a idéia de que as negras fiquem na parada em separado, atrás. Alice alega que pensou nisto pois poderá perder o apoio dos sulistas e é um risco que não pode correr com os democratas no poder. Lucy diz que esta é uma posição prática e Ida diz que isto é preconceito disfarçado de política. Outra que trabalha pela causa é Doris Stevens (Laura Fraser), que por acaso pede o apoio de Emily (Molly Parker), que é a esposa de senador democrata Thomas Leighton (Joseph Adams). O partido dele é contra o voto feminino, mas o tempo mostrará que Emily e Thomas têm posições bem distintas. Numa reunião social, Alice, Lucy, Mabel e Doris vão pedir doações e lá Lucy também por acaso fala com Emily. Porém o senador não deixa a conversa evoluir. Alice conhece Ben Weissman (Patrick Dempsey), que trabalha como desenhista no Washington Post, e Inez Millholland (Julia Ormond), uma advogada trabalhista que tem idéias que se afinam bem com as de Alice. Inez é convidada a participar da passeata personificando uma guerreira. No dia da passeata muitas pessoas foram aplaudir ou protestar, enquanto Wilson era praticamente ignorado ao chegar na capital. Entretanto na parada o clima era cada vez mais tenso, pois os que protestavam se mostravam agressivos. A polícia “se distrai” e deixa os insatisfeitos invadirem a pista, para agredir quem estava na passeata. Isto resulta em 100 feridos e enquanto o conservadorismo de Carrie critica o que aconteceu, Alice e suas amigas encaram como uma vitória, pois a publicidade foi imensa e os jornais disseram que a culpa do tumulto foi negligência policial, com o Post exigindo uma investigação. Assim, antes que as feridas se curem, uma delegação foi se encontrar com Wilson, que foi evasivo sobre o voto para as mulheres, pois sabe que Anna Shaw não o pressionará. Elas então adotam um estratégia mais dinâmica, mas o que as espera seriam incapazes de imaginar.”

  • Coco Antes de Chanel (2009)

b4455720864dece330f8bb319c02d05aTítulo Original: Coco Avant Chanel

Sinopse: “Quando criança Gabrielle (Audrey Tautou) é deixada, junto com a irmã Adrienne (Marie Gillain), em um orfanato. Ao crescer ela divide seu tempo como cantora de cabaré e costureira, fazendo bainha nos fundos da alfaiataria de uma pequena cidade. Até que ela recebe o apoio de Étienne Balsan (Benoît Poelvoorde), que passa a ser seu protetor. Recusando-se a ser a esposa de alguém, até mesmo de seu amado Arthur Capel (Alessandro Nivola), ela revoluciona a moda ao passar a se vestir costumeiramente com as roupas de homem, abolindo os espartilhos e adereços exagerados típicos da época.”

  • Pariah (2011)

0155d4c2a6cf98ee4fe1e97fb2d90e70Título Original: Pariah

Sinopse: “Pariah é a história de Alike, uma garota de 17 anos que vive no Brooklyn, em conflito com sua identidade sexual e sua auto-estima, também. Ela tem que esconder sua homossexualidade de sua família por medo de ser um fracasso como filha, enquanto sua incapacidade de se assumir entre seus amigos gays faz dela uma decepção igual a eles. Como ela esta mais perto de aceitar a sua identidade, sua vida se torna cada vez mais caótico e ela deve enfrentar seus próprias verdades, e se defender por conta própria.”

  • Guerra ao Terror (2008)

035723358a29965608919ed7f4321e26Título Original: The Hurt Locker

Sinopse: “JT Sanborn (Anthony Mackie), Brian Geraghty (Owen Eldridge) e Matt Thompson (Guy Pearce) integram o esquadrão anti-bombas do exército americano, em ação em pleno Iraque. Eles trabalham na destruição de um explosivo, fazendo com que seja detonado sem que atinja alguém. Entretanto, um erro faz com que o artefato exploda e mate Thompson. Em seu lugar é enviado o sargento William James (Jeremy Renner), que possui grande sangue frio em ação. Isto gera alguns desentendimentos com Sanborn, que o considera irresponsável. Apesar disto, o trio segue na ativa, tendo consciência de que cada dia concluído de trabalho é um dia a mais de vida.”

  • 35 Doses de Rum (2008)

2e68eac4d615fdae20d6d2646b9e897dTítulo original: 35 rhums

Sinopse: “O viúvo Lionel (Alex Descas) vive num complexo habitacional com sua filha, Josephine (Mati Diop), com quem tem fortes laços por tê-la criado sozinho. Enquanto Lionel atrai a atenção de uma mulher de meia-idade, um taxista que começa a rodar pelo bairro flerta com Josephine e eles passam a sair. Quando o namorado de Josephine aceita um trabalho no exterior e se muda, deixando a moça balançada, Lionel percebe que a filha está ficando independente e que talvez seja hora deles confrontarem seus passados.”

  • Encontros e Desencontros (2003)

193a115b53eb75c210f7b4dabca42780Título Original: Lost in Translation

Sinopse: “Bob Harris (Bill Murray) é uma estrela de cinema, que está em Tóquio para fazer um comercial de uísque. Charlotte (Scarlett Johansson), por sua vez, está na cidade acompanhando seu marido, um fotógrafo workaholic (Giovanni Ribisi) que a deixa sozinha o tempo todo. Sofrendo com o horário, Bob e Charlotte não conseguem dormir. Eles se encontram, por acaso, no bar de um hotel de luxo, e em pouco tempo tornam-se grandes amigos. Resolvem então partir pela cidade juntos. A eles junta-se uma jovem atriz chamada Kelly (Anna Faris), com quem vão viver algumas aventuras pela cidade de Tóquio.”

Tem aqui uma lista bem longa de filmes para ver. Nunca ouvi falar de alguns, mas sinto-me super curiosa para os ver. Espero bem conseguir ver alguns destes filmes, e talvez com um milagre eu consiga ver todos! Claro que à medida que eu for assistindo aos filmes deixo cá a minha opinião, fiquem atentos!name blogger

Filmes, Livros, Opinião

Filme | Viver Depois de Ti (2016)

image-2Título Original: Me Before You

Género: Drama, Romance

Lançamento: Agosto 2016

Elenco Principal: Emilia Clarke, Sam Claflin, Janet McTeer

Classificação: 8,5 em 10 estrelas

Sinopse: “Louisa “Lou” Clark vive numa pitoresca vila no campo, em Inglaterra. Sem um rumo definido na sua vida, a excêntrica e criativa jovem de 26 anos anda de trabalho em trabalho, para poder ajudar a sua unida família a pagar as contas. Porém, a sua habitual visão alegre da vida é posta à prova quando enfrenta o mais recente desafio da sua carreira. Ao aceitar um emprego numa mansão local, ela torna-se na assistente domiciliária e companhia de Will Traynor, um jovem e abastado banqueiro que fica numa cadeira de rodas após um acidente ocorrido há dois anos, cujo mundo muda bruscamente num piscar de olhos. Deixando de ser a alma aventureira de outros tempos, o agora cínico Will praticamente desistiu de tudo. Mas algo muda quando Lou decidir mostrar-lhe que a vida merece ser vivida. Embarcando os dois numa série de aventuras, tanto Lou como Will encontram mais do que esperavam e veem as suas vidas – e corações – mudarem de maneiras que nunca poderiam ter imaginado.”

Opinião: Bem, por norma eu costumo esperar um tempo após ler o livro para então ver o filme. Por vezes eu nem chego a ver o filme. Mas, com o Viver Depois de Ti foi totalmente o contrário. Li o livro todo num dia e no dia seguinte à noite já estava a ver o filme. E acreditem, eu só esperei tanto tempo para ver o filme porque tinha coisas para fazer.

Se adorei o filme? Um pouco. Podia ser melhor? Podia. Mas nós sabemos como são os filmes que foram adaptados de livros. Eu adorei o desempenho de todas as personagens, acho que foram muito bem escolhidas para o papel. Ao ínicio achei que o Will do filme não era bem o Will que eu tinha imaginado enquanto lia, mas depois apercebi-me que aquele Will era o perfeito. Quanto à Lou, sempre a imaginei assim. A Clarke tem imenso talento, e todos os filmes que vi dela amei.

Um facto que não gostei foi terem dado “pouca importância” ao namorado da Lou. Achei que deveria ter dado mais impacto ao final da relação e tudo mais. Pareceu que ele nem fazia falta ali (sim, eu sei que ele não fazia falta ali!). A ordem cronológica não estava bem como o livro, e houveram imensas cenas cortadas que acho que deveriam estar no filme. Mas infelizmente não pode ser o livro todo adaptado ou então seria um filme super longo.

De resto adorei tudo. Desde da banda sonoro, na qual ainda estou viciada à personagens. Eu adorei. Acho que está entre uma das melhores adaptações cinematográficas, e arrependo-me tanto de não ter ido ao cinema ver este filme. Na altura ainda não tinha o livro e pouco ou nada sabia dele. Mas, fica para uma próxima, se houver!

Deixo o link de uma playlist com as músicas do filme, se não me engano apenas falta uma música que esteve no filme e não se encontra na playlist.name blogger

Filmes, Livros, Março Feminino

Março Feminino

20241377_qm920

E como em março celebra-se o dia da mulher decidi participar deste lindo projeto. O projeto chama-se Março Feminino, foi criado pelo blog Say Hello To My Books, um projeto muito bonito, parabéns! Não se esqueçam a visitar o blog para mais informações acerca do projeto!

As mulheres sempre foram desvalorizadas. Seja no trabalho, seja em casa. São consideradas o sexo mais fraco por muitos, e por vezes são consideradas apenas objetos. Para alguns mulheres significam apenas beleza, e usam-as para o próprio proveito. Devemos viver num mundo assim? Será que não merecemos ter os mesmo direitos que os homens? Que têm eles que nós mulheres não temos? Nós temos tudo!

Podemos desempenhar qualquer trabalho, e não somos nada o sexo mais fraco. Somos fortes! Conseguimos lidar com tudo e ainda manter um sorriso na cara. Conseguimos resolver os problemas dos outros e lutar pela nossa independência. Não somos uma boneca, somos a voz da nação. Somos nós quem ajuda a desenvolver a sociedade.

Igualdade de direitos entre sexos é o que se precisa. Em Portugal quase nem existe rivalidade, alguns casos sim mas não muito. Existem países em que a mulher não pode sair de casa, fica apenas em casa a cuidar dos filhos e da casa. Enquanto os homens têm toda a liberdade. Nós não podemos ser criadas. Nós somos seres humanos com direito a liberdade, a independência, a trabalhar onde quisermos, a ser donas de nós mesmas, tudo.

E no que consiste este projeto? Ler livros e ver filmes relacionado com mulheres. No caso dos livros devemos ler livros escritos por mulheres e filmes realizados por mulheres. Um aspecto que vou usar para escolher os filmes que irei ver será escolher filmes em que as mulheres tenham um papel fundamental, será uma maneira de ver mais filmes. Quanto aos livros que irei ler ainda não sei ao certo, tenho diversos livros de escritoras na estante para ler, seria bom conseguir despachar uma boa parte deles este mês!

Participem neste projeto, as mulheres têm uma forte influência e são grandes lutadoras e guerreiras. Elas merecem tudo! Vamos revolucionar o mundo e mostrar que temos os mesmos direitos que os homens, que conseguimos ser independentes sem ser preciso que nos digam que fazer. name blogger

Filmes, Opinião

Pedido de Amizade (2016) – Opinião [Filme ]

0826c28286cedfcc1dbcef4e53f15196Título Original: Friend Request

Género: Terror, Suspense

Lançamento: Janeiro 2016

Elenco Principal: Alycia Debnam-Carey, William Moseley, Connor Paolo

Classificação: 8 em 10 estrelas

Sinopse: “Laura é uma jovem popular estudante universitária, que vai partilhando todos os pormenores da sua intensa vida social com os seus 800 amigos do Facebook. Mas um dia, depois de aceitar um misterioso pedido de amizade de uma pária social chamada Marina, a sua vida é amaldiçoada e os seus amigos mais próximos começam a morrer num encadeamento de situações cruéis e insólitas. Antes que o seu tempo se esgote, Laura vai ter de resolver o mistério por detrás de Marina e do seu perfil de Facebook, de modo a quebrar o feitiço que se abateu sobre si.”

Opinião: Devo dizer que não estava nada, mas mesmo nada à espero do que aconteceu no filme. Eu não sou muito de ver trailers de filmes, gosto de atirar-me de cabeça e ver. Se gostar gostei, se não gostar não gostei. Decidi ver este, até porque qualquer filme que seja relacionado com redes sociais eu gosto.

Pensava eu que seria mais um daqueles filmes clichés de Cyberbullying, quando me deparo com algo muito mais intenso. Passei mais de metade do filme arrepiada e com medo, e isso nem com os filmes de terror se acontece (só um pouco!). Posso dizer que o filme é um pouco bizarro, e estranho. Marina, é completamente maluca da cabeça e assustadora. Desde que a vi que fiquei com medo.

Quanto a Laura, só tenho uma coisa a dizer sobre ela: burra. Ok, não tanto, mas quem é que adiciona tudo e todos no Facebook? Apenas porque viu a pessoa na rua? E além do mais, publicar tudo na nossa vida numa rede social? Ela estava mesmo a pedi-las. Qualquer um é livre de fazer o que quiser, sim ok, mas existem limites. Depois quando ultrapassam os limites reclamam de existir tantos fakes e tudo mais.

Aconselho a ver o filme, se gostam de maldições e isso, acreditem vão adorar. Eu adorei o filme, apesar de passar grande parte do tempo a fechar os olhos com medo do que poderia vir aí. É incrível, só não dou mais estrelas ao filme porque não gostei muito das personagens, não houve assim nenhuma que eu tivesse pena. Mas uma coisa vos digo, este filme está no meu top de filmes!name blogger

Filmes, Livros

Livros Que Podem Virar Série ou Filme

Antes de mais, muitos dos livros que vou apresentar podem tratar-se apenas de rumores que provavelmente todos nós já ouvimos falar, mas não custa nada ter esperança! Andei a pesquisar alguns livros que podem ter filme ou até mesmo série, não sei se é verdade ou não. Mas espero mesmo que alguns sejam verdade porque adoro imenso os livros!

Consegui encontrar 15 livros! Ainda não li todos desta lista, apesar de querer ler muitos destes e alguns já ter lido e adorado. Tem pelo menos 2/3 quu adorava ver em filme, mas já se passou tanto tempo que a esperança de os ver em filme já está quase nula!

E vamos à nossa pequena lista!

  • Cinder; Marissa Meyer

Com dezasseis anos, Cinder é considerada pela sociedade como um erro tecnológico. Para a madrasta, é um fardo. No entanto, ser cyborg também tem algumas vantagens: as suas ligações cerebrais conferem-lhe uma prodigiosa capacidade para reparar aparelhos (autómatos, planadores, as suas partes defeituosas) e fazem dela a melhor especialista em mecânica de Nova Pequim. É esta reputação que leva o príncipe Kai a abordá-la na oficina onde trabalha, para que lhe repare um andróide antes do baile anual.

Em tom de gracejo, o príncipe diz tratar-se de «um caso de segurança nacional», mas Cinder desconfia que o assunto é mais sério do que dá a entender.

Ansiosa por impressionar o príncipe, as intenções de Cinder são transtornadas quando a irmã mais nova, e sua única amiga humana, é contagiada pela peste fatal que há uma década devasta a Terra. A madrasta de Cinder atribui-lhe a culpa da doença da filha e oferece o corpo da enteada como cobaia para as investigações clínicas relacionadas com a praga, uma «honra» à qual ninguém até então sobreviveu. Mas os cientistas não tardam a descobrir que a nova cobaia apresenta características que a tornam única. Uma particularidade pela qual há quem esteja disposto a matar.

  • Luz e Sombra; Leigh Bardugo

Rodeada por inimigos, a outrora grande nação de Ravka foi dividida em duas pelo Sulco de Sombra, uma faixa de escuridão quase impenetrável cheia de monstros que se alimentam de carne humana. Agora, o seu destino pode depender de uma só refugiada.
Alina Starkov nunca foi boa em nada. Órfã de guerra, tem uma única certeza: o apoio do seu melhor amigo, Maly, e a sua inconveniente paixão por ele. Cartógrafa do regimento militar, numa das expedições que tem de fazer ao Sulco de Sombra, Alina vê Maly ser atacado pelos monstros volcra e ficar brutalmente ferido. O seu instinto leva-a a protegê-lo , e ela revela um poder adormecido que lhe salva a vida, um poder que poderia ser a chave para libertar o seu país devastado pela guerra. Arrancada de tudo aquilo que conhece, Alina é levada para a corte real para ser treinada como um membro dos Grishas, a elite mágica liderada pelo misterioso Darkling. Com o extraordinário poder de Alina no seu arsenal, ele acredita que poderá finalmente destruir o Sulco de Sombra.
No entanto, nada naquele mundo pródigo é o que parece. Com a escuridão a aproximar-se e todo um reino dependente da sua energia indomável, Alina terá de enfrentar os segredos dos Grisha… e os segredos do seu coração.

  • Cartas de Amor aos Mortos; Ava Dellaira

Após a trágica morte da irmã mais velha, Laurel sente o mundo ruir. Com a separação dos pais, tem de viver com a tia, uma católica fervorosa que lhe impõe rígidas normas de comportamento. Numa aula de Inglês, a professora desafia os alunos a escreverem uma carta a alguém que já morreu. Laurel dirige a primeira carta a Kurt Cobain, porque a irmã adorava esse cantor. A partir daí, sucedem-se missivas endereçadas aos seus ídolos do cinema, da música e da literatura – todos mortos. Nas cartas, Laurel aborda facetas cativantes dos seus ídolos e partilha momentos marcantes da própria vida, dos novos amigos ao primeiro amor. Contudo, continua atormentada pelo passado, e apenas poderá libertar-se quando enfrentar o mistério que envolve a morte da irmã.

  • The Queen of The Tearling; Erika Johansen

Durante dezoito anos, o destino de Tearling ficou nas mãos do Regente, manipulado pela Rainha Vermelha, uma feiticeira implacável que governa o reino vizinho de Mortmesme. Porém, Kelsea Glynn, sobrinha do Regente, é a legítima herdeira do trono. Quando completa dezanove anos, está pronta para reclamar o que é seu – e assim regressa do exílio com o objetivo de tornar Tearling um reino livre de pobreza, opressão e escravatura. Mas Kelsea é jovem, ingénua e cresceu longe da corrupção e dos perigos que assolam o reino. Cedo lutará pelo trono e pela própria sobrevivência, num caminho de crescimento em que aprende a lidar com uma herança muito pesada.
Será Rainha se sobreviver para reclamar o trono.

  • Uglies 1: Imperfeitos; Scott Westerfeld

Viver na Cidade dos Recém-Perfeitos é tudo o que Tally Youngblood deseja — e já não terá de esperar muito. Prestes a completar 16 anos, vai ser submetida à cirurgia radical que a transformará de uma mera Imperfeita numa deslumbrante Perfeita.
Mas quando Shay, a sua melhor amiga, decide fugir e questionar o mundo de perfeição em que vivem, Tally descobre um lado sombrio na sociedade dos Perfeitos — revelando as falhas que ninguém conhece. Pressionada pelos Especiais, a autoridade máxima nesse mundo, Tally é então forçada a tomar a decisão mais difícil de todas: encontrar a amiga e traí-la ou perder para sempre a possibilidade de se tornar Perfeita.
Envolvendo-se numa emocionante conspiração, Tally descobre que por trás de toda a perfeição se esconde um terrível segredo. E a sua escolha irá mudar o mundo para sempre…

  • Legend; Marie Lu

Outrora conhecida como a costa ocidental dos Estados Unidos, a República é agora uma nação em guerra permanente com as vizinhas, as Colónias. Nascida numa família de elite num dos distritos mais abastados da República, June, aos quinze anos, é um prodígio militar. Obediente, entusiasmada e dedicada ao seu país, está a ser aperfeiçoada para fazer parte dos círculos mais elevados da República. Nascido num dos bairros de lata do Setor Lake da República, Day, também com quinze anos, é o criminoso mais procurado da República. Mas talvez os seus motivos não sejam tão maliciosos quanto parecem. Pertencendo a mundos muito diferentes, não há motivo algum para que os caminhos de June e Day se cruzem – até ao dia em que o irmão de June, Metias, é assassinado, e Day se torna o principal suspeito. Agora, apanhado no derradeiro jogo do gato e do rato, Day corre pela sobrevivência da sua família, enquanto June tenta desesperadamente vingar a morte do irmão. Contudo, numa reviravolta chocante, os dois descobrem a verdade daquilo que verdadeiramente os levou a encontrarem-se, e a que ponto a nação de ambos está disposta a chegar para manter os seus segredos.
Repleto de ação imparável, suspense e romance, o fascinante primeiro romance de Marie Lu irá certamente comover e arrebatar os leitores.

  • Alvorada Vermelha; Pierce Brown

Passa-se numa altura em que a humanidade começou a colonizar outros planetas, como Marte. Darrow é um jovem de 19 anos que pertence à casta mais baixa da Sociedade, os Vermelhos, uma comunidade que vive e trabalha no subsolo marciano com a missão de preparar a superfície do planeta para que futuras gerações de humanos possam lá viver. No entanto, em breve Darrow irá descobrir que ele e os seus companheiros foram enganados pelas castas superiores. Inspirado pelo desejo de justiça, Darrow irá sacrificar tudo para se infiltrar na casta dos Dourados… e aniquilá-los!
Vingança, guerra e luta pelo poder num romance de estreia empolgante.

  • A Seleção; Kiera Cass

Para trinta e cinco raparigas, A Seleção é a oportunidade de uma vida. É a possibilidade de escaparem de um destino que lhes está traçado desde o nascimento, de se perderem num mundo de vestidos cintilantes e joias de valor inestimável e de viverem num palácio e competirem pelo coração do belo Príncipe Maxon. No entanto, para America Singer, ser selecionada é um pesadelo. Terá de virar as costas ao seu amor secreto por Aspen, que pertence a uma casta abaixo da sua, deixar a sua família para entrar numa competição feroz por uma coroa que não deseja, e viver num palácio constantemente ameaçado pelos ataques violentos dos rebeldes. Mas é então que America conhece o Príncipe Maxon. Pouco a pouco, começa a questionar todos os planos que definiu para si mesma e percebe que a vida com que sempre sonhou pode não ter comparação com o futuro que nunca imaginou. 35 candidatas. Apenas uma coroa.

  • À Procura de Alaska; John Green

Na escuridão atrás de mim, ela cheirava a suor, luz do sol e baunilha, e, nessa noite de pouco luar, eu pouco mais podia ver além da sua silhueta, mas, mesmo no escuro, consegui ver-lhe os olhos – esmeraldas intensas. E não era só linda, era também uma brasa.”
Alaska Young. Lindíssima, esperta, divertida, sensual, transtornada… e completamente fascinante. Miles Halter não podia estar mais apaixonado por ela. Mas, quando a tragédia lhe bate à porta, Miles descobre o valor e a dor de viver e amar de modo incondicional.
Nunca mais nada será o mesmo.

  • Rainha Vermelha; Victoria Aveyard
O mundo de Mare, uma rapariga de dezassete anos, divide-se pelo sangue: os plebeus de sangue vermelho e a elite de sangue prateado, dotados de capacidades sobrenaturais. Mare faz parte da plebe, os Vermelhos, sobrevivendo como ladra numa aldeia pobre, até que o destino a atraiçoa na própria corte Prateada. Perante o rei, os príncipes e nobres, Mare descobre que tem um poder impensável, somente acessível aos Prateados.

Para não avivar os ânimos e desencadear revoltas, o rei força-a a desempenhar o papel de uma princesa Prateada perdida pelo destino, prometendo-a como noiva a um dos seus filhos. À medida que Mare vai mergulhando no mundo inacessível dos Prateados, arrisca tudo e usa a sua nova posição para auxiliar a Guarda Escarlate – uma rebelião dos Vermelhos – mesmo que o seu coração dite um rumo diferente.

A sua morte está sempre ao virar da esquina, mas neste perigoso jogo, a única certeza é a traição num palácio cheio de intrigas. Será que o poder de Mare a salva… ou condena?

  • The Sky Is Everywhere; Jandy Nelson

Seventeen-year-old Lennie Walker, bookworm and band geek, plays second clarinet and spends her time tucked safely and happily in the shadow of her fiery older sister, Bailey. But when Bailey dies abruptly, Lennie is catapulted to center stage of her own life – and, despite her nonexistent history with boys, suddenly finds herself struggling to balance two. Toby was Bailey’s boyfriend; his grief mirrors Lennie’s own. Joe is the new boy in town, a transplant from Paris whose nearly magical grin is matched only by his musical talent. For Lennie, they’re the sun and the moon; one boy takes her out of her sorrow, the other comforts her in it. But just like their celestial counterparts, they can’t collide without the whole wide world exploding.

This remarkable debut is perfect for fans of Sarah Dessen, Deb Caletti, and Francesca Lia Block. Just as much a celebration of love as it is a portrait of loss, Lennie’s struggle to sort her own melody out of the noise around her is always honest, often hilarious, and ultimately unforgettable.

  • Illuminae; Amie Kaufman & Jay Kristoff

Illuminae é diferente de todos os livros que alguma vez leste. Através de documentos pirateados, emails, mapas, arquivos militares, transcrições de interrogatórios e mensagens, vais descobrir que o pior dia da vida de Kadie é apenas o início da história mais trepidante e arrebatadora de sempre.

  • Simon vs The Homo Sapiens Agenda; Becky Albertalli

Sixteen-year-old and not-so-openly gay Simon Spier prefers to save his drama for the school musical. But when an email falls into the wrong hands, his secret is at risk of being thrust into the spotlight. Now Simon is actually being blackmailed: if he doesn’t play wingman for class clown Martin, his sexual identity will become everyone’s business. Worse, the privacy of Blue, the pen name of the boy he’s been emailing, will be compromised.

With some messy dynamics emerging in his once tight-knit group of friends, and his email correspondence with Blue growing more flirtatious every day, Simon’s junior year has suddenly gotten all kinds of complicated. Now, change-averse Simon has to find a way to step out of his comfort zone before he’s pushed out—without alienating his friends, compromising himself, or fumbling a shot at happiness with the most confusing, adorable guy he’s never met.

  • Throne of Glass; Sarah J. Maas

Nas sombrias e sujas minas de sal de Endovier, um jovem de 18 anos está cumprindo sua sentença. Celaena é uma assassina, e a melhor de Adarlan. Aprisionada e fraca, ela está quase perdendo as esperanças quando recebe uma proposta. Terá de volta sua liberdade se representar o príncipe de Adarlan em uma competição, lutando contra os mais habilidosos assassinos e larápios do reino. Endovier é uma sentença de morte, e cada duelo em Adarlan será para viver ou morrer. Mas se o preço é ser livre, ela está disposta a tudo.

Tem livros que adoraria ver nos grandes ecrãs, como o caso de À Procura de Alaska e de Illuminae. E claro, também muitos outros livros! Ainda por cima desta lista estão todos na minha wishlist!name blogger